Close

11/12/2018

Energia renovável no Brasil

Nos dias de hoje estamos vivenciando uma fase que pode ser considerada uma das mais favoráveis da nossa história acerca da energia renovável no Brasil!

Não é preciso buscar muitas informações para se ter o entendimento que o Brasil já está ocupando o quarto lugar no ranking mundial referente à produção de energia renovável, e isso é extremamente positivo!

Essa constatação permite indicar que o Brasil somente está atrás da Índia e demais grandes potencias mundiais, sendo nada mais, nada menos, do que a China e Estados Unidos.

Para se ter uma ideia sobre esse aspecto, basta salientar que na ultima década a energia de caráter renovável teve um expressivo crescimento, chegando a 30% no país.

É importante ainda destacar que a matriz energética do Brasil é formada por uma variedade de fontes, que ainda incluem, por exemplo, o petróleo e derivados dele (gasolina, gás de cozinha, e outros).

Isso pode ajudar a representar que conforme o nosso país eleva sua capacidade de promover energia por meio de fontes mais alternativas pode-se também acompanhar a possibilidade de uma maior capacidade de recuperação diante de fenômenos mais extremos.

Além disso, o Brasil é extremamente beneficiado para conceber um padrão de geração de energia desse porte, visto que somo um país tropical e de clima favorecido!

Energia renovável no Brasil! – o que o futuro nos reserva!

Uma das maiores metas levadas em consideração recentemente é de que mais de 84% de toda a energia elétrica brasileira deveria ser de fonte renovável, porém, como todos sabemos as hidrelétricas ainda são nossas principais fontes.

As hidrelétricas são responsáveis por mais da metade de toda a geração de energia nacional, porém há ainda outras fontes que permitem representar os demais 16% de toda essa energia elétrica.

Entre tais fontes renováveis, podemos destacar amplamente a energia solar e todos os seus vários benefícios!

No país, a fonte de energia renovável com mais potencial para um amplo desenvolvimento é a solar, que tende a conquistar ainda mais espaço não somente nas usinas, mas também nas residências de muitas pessoas.

Isso porque a instalação dos painéis fotovoltaicos (que podem ser adaptados os telhados das moradias) permite a abertura de uma grande oportunidade para que cada um consiga gerar sua própria energia.

Diante desse aspecto, o governo já revelou que está estudando algumas maneiras para promover ainda mais esse tipo de geração de energia em todo o país.

Isso porque o segmento pode ser um dos caminhos mais assertivos para ajudar a compor a matriz energética no país. Por isso, o governo está se mantendo em busca está procurando novas formas de incentivo para o setor.

 

Uma tendência que ajudará a conter os elevados gastos com eletricidade

Quem se prontificar a investir nesse sistema certamente poderá ter uma grata surpresa ao receber a sua conta de luz no final do mês!

O impacto positivo é muito (muito mesmo) evidente! Isso porque os gastos podem chegar a nada mais, nada menos do que zero, o que já é uma grande economia mensal e que ajuda a pagar o investimento da instalação!

O lado bom é que com o passar dos anos as placas fotovoltaicas deverão sofrer ainda mais quedas de preços do que já foi feito.

Isso é se grande importância para estimular cada vez mais a dinâmica do mercado e assim promover ainda mais uma concorrência positiva para o consumidor final.

Outro ponto é que a amplitude dessa concorrência deverá ainda estimular um outro aspecto fundamental, que consiste em um maior valor de investimento em tecnologias e inovações!

Tais avanços poderão favorecer substancialmente que muito mais pessoas, acabem recorrendo ao seu uso, o que é ótimo para a economia do mercado, e acima de tudo para o meio ambiente, uma vez que estamos falando de uma energia renovável e sustentável!

Essas foram as dicas e orientações sobre a energia renovável no Brasil! E você? Está pensando em tornar esse importante investimento em uma realidade também? Aproveite para ler também o artigo Geração de Energia Solar em Casa!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *